logo
logo

Category : Artigo

01 dez 2015
território nacional

Formação regional e formação do território nacional

Formação regional e formação do território nacional como momentos contraditórios do processo de territorialização do capital 15° Encuentro de Geógrafos de América Latina. Artigo apresentado por Ana Carolina Gonçalves Leite. Doutoranda no Programa de Pós-graduação em Geografia Humana da Universidade de São Paulo TEXTO COMPLETO: PDF Resumo: O enunciado que toma a formação territorial como objeto de pesquisa sugere que a investigação sobre o território considere sua historicidade, buscando equacioná-la como um processo social. Nessa perspectiva, o território figura como […]

05 nov 2015
Fordismo e o Toyotismo

O anti-progresso do capital: entre o Fordismo e o Toyotismo

In: TEORIA POLÍTICA DO SOCIALISMO ”ALTHUSSER: 50 ANOS LENDO O CAPITAL POR MARX”, 2015, Marilia. Teoria da história, modos de produção e transição histórica, 2015. Ivo dos Santos Farias Período: de 06/10/2015 a 18/11/2015 Local: FFC – Unesp de Marília e outros (UEL, UFRJ, UNICAMP, UNIFESP, PUC-SP) Coordenação: Jair Pinheiro Promoção: Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Departamento de Ciências Políticas e Econômicas; NEILS – Núcleo de Estudos de Ideologias e Lutas Sociais; CEMARX – Centro de Estudos Marxistas; GEPAL […]

05 nov 2015
indústria têxtil

Capitalismo e dominação na indústria têxtil de Fernão Velho (Maceió-AL)

Entre o moderno e o arcaico: capitalismo e dominação na indústria têxtil de Fernão Velho (Maceió-AL) In: I SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS, 2015, Marília. Manifestações ideológicas no Brasil e no Mundo e suas formas de abordagem nas ciências humanas, 2015. Ivo dos Santos Farias (Unesp-Marília); Marcelo Góes Tavares (UFPE) TEXTO COMPLETO: PDF RESUMO: O capitalismo, na modernidade e no processo de industrialização, pressupõe uma racionalidade marcada pelo planejamento, saber técnico e sistematização da produção como base […]

05 set 2015
Igreja Universal do Reino De Deus

Gênero e Poder na Igreja Universal do Reino De Deus

Gênero e Poder na Igreja Universal do Reino De Deus Revista Horizonte, Belo Horizonte, v. 13, n. 39, p. 1410-1426, jul./set. 2015 – ISSN 2175-5841 pp.1410 a 1426. Claudirene Bandini. Pós-doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião (PUC/SP), doutora em Sociologia, pesquisadora e professora da UFSCAR. TEXTO COMPLETO: PDF RESUMO: Como parte de uma pesquisa de doutorado, o presente texto se propõe, a partir da construção teórica de gênero e sociologia da religião, apresentar a discussão acerca do […]

05 set 2015
violência religiosa

Mulheres pentecostais à sombra da violência religiosa

Mulheres pentecostais à sombra da violência religiosa Simpósio Nordeste: Gênero e Religião: Diversidades e (in)tolerâncias nas mídias. GT 15 – Religião, corpo e violência. Claudirene Bandini. Doutora em Sociologia pela Universidade Federal de São Carlos. Pós-Doutoranda em Ciências da Religião na PUC/SP sob a supervisão da Profa. Dra. Maria José Rosado Nunes. Pesquisadora no grupo de pesquisa NEREP/CNPq/ UFSCar e TRAMA/CNPq/UFSCar TEXTO COMPLETO: PDF A violência simbólica apresenta-se na forma sutil e é portadora de uma força ideológica que entrelaça os […]

05 ago 2015
memória coletiva

A (re)construção da memória coletiva dos/as operários/as têxteis de Fernão Velho

A (re)construção da memória coletiva dos/as operários/as têxteis de Fernão Velho In: XXVIII Simpósio Nacional de História – ANPUH, 2015, Florianópolis. Marxismo e História: lugares temáticos, desafios teóricos – Sessão B, 2015. Ivo dos Santos Farias TEXTO COMPLETO: PDF O seguinte trabalho refere-se ao resumo de uma tese de doutorado em Ciências Sociais em processo de construção e trata do estudo sobre o processo de perda da memória coletiva de um grupo operário situado na periferia de Maceió-AL. Este grupo […]

25 jul 2015
Congresso da SBS

Congresso da SBS – Propriedade jurídica da terra

“A gente não sabe onde está nossa terra”: propriedade jurídica e propriedade econômica da terra no interior paulista. Artigo apresentado por Tainá Reis no 17º Congresso da SBS. A Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS) realiza a 17ª edição do Congresso Brasileiro de Sociologia entre os dias 20 e 23 de julho, no Campus Centro da UFRGS. O tema ‘Sociologia em Diálogos Transnacionais’ chama a atenção para a importância dos debates correntes nas principais redes internacionais de pesquisa da área. O Congresso destaca […]

18 jul 2015
trabajo

El trabajo en la caña no es dulce como el azúcar

El trabajo en la caña no es dulce como el azúcar La Jornada del Campo, 18/07/2015, n. 94. Maria Aparecida de Moraes Silva. Profesora visitante senior CAPES del Posgrado en Sociología de la Universidad Federal de San Carlos; investigadora del CNPQ TEXTO COMPLETO: PDF La producción agrícola Brasil es considerada una de las más grandes del mundo. En 2014, en millones de toneladas, la producción sumó 85 de soya, 53.2 de maíz, 2.8 de café, 716.8 de caña de azúcar […]

15 jun 2015
produção de flores

Terra de negócios, terra de trabalho: a produção de flores em Holambra/SP

Terra de negócios, terra de trabalho: a produção de flores em Holambra/SP Novos Cadernos NAEA • v. 18 n. 1 • p. 183-196 • jan-jun. 2015 Juliana Dourado Bueno. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de São Carlos/UFSCAR, São Paulo. Mestre em Sociologia, pela UFSCAR. TEXTO COMPLETO: PDF Resumo: Lançando mão do contexto de produção de flores na região de Holambra/SP, este texto apresenta as experiências que são invisibilizadas quando essa produção é apresentada como uma […]

03 jun 2015
sertão

Os tempos no “Gerais” e no “Sertão” – Sobre casa, comida, terra e criação

Os tempos no “Gerais” e no “Sertão” – Sobre casa, comida, terra e criação Revista de Antropologia. 58(2)-2015 Carmen Silvia Andriolli. Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. TEXTO COMPLETO: PDF Resumo: O objetivo deste artigo é mostrar que as transformações sobre o uso da terra decorrentes da implantação do Parque Nacional Grande Sertão Veredas em Minas Gerais revelam tempos (de ontem e de hoje) que remetem às categorias nativas “Gerais” / “Sertão”. Para elucidar esse processo, centro-me na etnografia […]